Regras

0
42

O karatê é disputado em duas categorias em uma superfície plana de 8 metros quadrados chamada tatame. No kumitê, dois lutadores se enfrentam em um combate de três minutos para homens e dois minutos para mulheres. Já no kata os dois atletas se apresentam lado a lado, exibindo uma série de golpes, mas sem se tocar.

Os competidores são obrigados a vestir um uniforme branco. O atleta pode ser desclassificado se o árbitro entender que ele tem um cabelo muito longo ou sujo.

O karateca pode usar qualquer parte do corpo para golpear o adversário. No kumitê, cada golpe pode render até três pontos ao lutador, dependendo do movimento e da forma como foi aplicado. Conseguir um chute no rosto ou derrubar o adversário vale três pontos. Chute na região do abdômen, soco nas costas e algumas técnicas de mão, somam dois pontos. Os outros golpes valem um ponto.

Ataques a braços ou pernas, genitálias, articulações, tornozelo e peito do pé são proibidos. Além disso, o karateca pode ser punido se sair do tatame seguidas vezes ou se simular contusões.

O vencedor é aquele atleta que conseguir, durante a luta, abrir oito pontos de vantagem sobre o rival. Ou então tiver uma vantagem numérica ao final do tempo de combate. Se houver um empate ao final da luta, os atletas disputam uma prorrogação de um minuto, sendo que o vencedor é aquele que marcar o primeiro ponto. Um novo empate leva a decisão para a arbitragem.

No kata, o competidor tem que apresentar duas séries: uma obrigatória e outra livre. Em ambas, ele deve apresentar à comissão avaliadora de três a cinco juízes com antecedência os golpes que irá demonstrar. Os katas devem estar em conformidade com as escolas reconhecidas pela WKF, com base nos estilos Goju, Shito, Shoto e Wado.

COMPARTILHAR

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here